Início>Bugs em aplicativos – 10 formas de evitar

Bugs em aplicativos – 10 formas de evitar

Não há nada mais deselegante do que o travamento de algo que você esteja fazendo. Essa frase pode e deve ser lida na linguagem tecnológica, pois se trata de erros que os aplicativos apresentam e que deixam qualquer um com raiva.

Essas falhas, conhecidas no mundo virtual como bug, causam um tremendo incômodo. E muitos desses problemas podem nem ser causados pelo aplicativo, propriamente dito. Em muitos casos, o causador desses problemas pode ser a velocidade do processador do seu dispositivo, ou até a escolha que você faz do cartão de memória que introduziu no lugar da memória interna. E alguns aplicativos, como o Whatsapp, o Facebook e o Instagram podem estar sendo afetados por isso. Esses três aplicativos foram citados porque são que mais utilizados pelos usuários de smartphones.

Acontece que, pela falta de cuidado com o dispositivo, pode ocasionar em problemas de segurança, mas ainda assim, mesmo com todos os cuidados tomados, diversos aparelhos celulares são impactados pelos bugs, que afetam o seu bom funcionamento.

Com isso, este texto tem como objetivo apresentar 10 formas para que você evite entrar em contato com os bugs nos seus aplicativos. Fique por aqui e mantenha-se protegido contra eles.

Antes, o que seria bug?

Bug é quando a linguagem do seu dispositivo entra em conflito, fazendo com que haja uma impossibilidade de continuar a executar determinado aplicativo. Ele também é conhecido como falha na lógica, e ocorre quando o dispositivo perde a finalidade de um determinado processo.

Os bugs podem gerar falhas na segurança, principalmente quando ocorrem em aplicativos que possuem acesso à internet.

Uma curiosidade: essas falhas receberam esse nome, que em inglês significa inseto, porque Thomas Edison a utilizou para nomear os problemas que os animais estavam causando no seu fonógrafo. Tempos depois, o termo passou a ser utilizado na informática quando os primeiros computadores valvulados atraíam muitos insetos para os seus componentes, o que causava diversos erros. Hoje em dia, a expressão remete a qualquer erro que um programa ou aplicativo pode causar.

O que esses bugs podem causar?

O grande perigo que os bugs podem causar ao dispositivo é deixá-los totalmente vulneráveis, correndo perigos de segurança e privacidade. Além disso, outros problemas que podem ser causados pelos bugs são:

  • Privacidade comprometida – uma vez “bugado”, é possível que hackers passem a controlar os seus aplicativos que já vieram no aparelho, como a câmera e o microfone. Só isso já faz com que o usuário esteja totalmente comprometido, ficando exposto à possibilidade de ser espionado;
  • Informações roubadas – com essas falhas, será possível que os códigos maliciosos roubem as suas informações contidas no dispositivo, o que irá afetar diretamente a sua segurança;
  • Não conhecimento do problema – esse talvez seja o pior, pois o usuário não ficará sabendo que foi afetado pelo bug e, com isso, este agirá de forma silenciosa.

Como evitar os bugs nos aplicativos?

Uma informação que é importante ser passada é que todo aplicativo não está 100% seguro, livre de bugs. Mas, a fim de amenizar essas falhas, este texto tem algumas dicas valiosas.

Para que você possa curtir os seus aplicativos baixados de forma tranquila e sem ter com o que se preocupar, observe as dicas contidas neste texto, observadas nos tópicos abaixo listados:

Descubra se o seu aparelho foi afetado

O primeiro passo para descobrir se o seu aparelho foi afetado por um bug é você utilizar um aplicativo criado pela própria empresa que você comprou o seu dispositivo para descobrir a falha.

É importante lembrar que essa ação não irá resolver o seu problema, apenas lhe informará se realmente é esse o problema do seu dispositivo.

Comunique ao desenvolvedor sobre o erro

Ao perceber que o aplicativo encontra-se com falhas, uma medida a ser tomada é reportar à empresa que o desenvolveu, de modo que ela corrija o problema. As falhas, dependendo delas, podem causar problemas às pessoas e, quanto mais a interação a comunicação entre empresa e cliente funcionar, mais rápida será a solução do problema.

Desative a recuperação de MMS

Uma vez que você tenha descoberta a infecção do bug, é hora de você fechar portas para que ele não volte. Uma dessas possíveis portas é desativando a opção “Recuperar MMS automaticamente”, localizada nas configurações do Hangouts.

Mantenha os aplicativos atualizados

Uma vez que um bug é encontrado, informações sobre atualizações com a correção do problema são disponibilizadas, a fim de que as pessoas tenham acesso às atualizações de segurança.

Consertando os erros, as atualizações vão sendo disponibilizadas com o tempo, mas sempre são informadas de quando serão lançadas.

Limpeza de cache

Se o seu aplicativo começou a apresentar falhas, a primeira coisa que você tem que fazer é uma limpeza do cache. Para realizar essa ação, você terá que ir em “configurações”, depois em “aplicativos”, selecionar o aplicativo que está apresentando erro e acionar o botão para limpar o cache.

Backup das informações

Esteja sempre com o seu backup em dia. De certa forma, isso não irá ajudá-lo a evitar que os bugs ocorram, mas caso você tenha um problema e não consiga mais visualizar o seu aparelho celular, perdendo acesso a todas as informações contidas nele, o backup irá fazer com que você não perca totalmente os arquivos contidos no seu aparelho celular.

Atualize o seu sistema operacional

Uma vez que você mantenha o seu sistema operacional atualizado, a incidência de bugs nos seus aplicativos irá diminuir, isso porque, quando a fabricante disponibiliza uma atualização do sistema operacional, ela vem com a correção das falhas que prejudicaram os usuários na versão anterior.

Desinstale e instale novamente

Caso o aplicativo que utilize não é original de fábrica do seu dispositivo, você pode evitar essas falhas tentando desinstalar e instalar novamente o aplicativo na loja do seu smartphone.

Caso o problema persista, entre em contato com a desenvolvedora do aplicativo.

Eliminando o malware

Vez ou outra é comum visualizar no seu dispositivo a instalação de um malware, que se infiltra junto a um aplicativo que você instalou e, com isso, ele vem causando problemas. É recomendado que você só baixe os aplicativos que confia, que são livres de malware.

Caso o malware já tenha sido instalado no seu dispositivo, utilize um aplicativo confiável que irá encontrar e eliminar o malware.

Observe as permissões que o aplicativo solicita

Fique atento ao baixar um aplicativo. No momento que for instalá-lo, observe as solicitações que ele fará. Caso um aplicativo solicite acesso a dados que nada tenham a ver com a sua funcionalidade, não permita a sua instalação.

By | 2018-10-10T17:04:36+00:00 outubro 10th, 2018|Não categorizado|

Deixar Um Comentário