Início>10 dicas para empreender através de aplicativos

10 dicas para empreender através de aplicativos

Não é à toa que o mercado de aplicativos tem crescido tanto, afinal consumimos aos montes essa tecnologia. Mas, atualmente, o empreendedor tem que inovar ao entrar nesse mercado.

A dúvida não se resume a se é necessário ter essa tecnologia aos negócios, mas sim como fazê-la. No contexto de que as empresas precisam ter seus próprios aplicativos, é importante ver o que o mercado realmente está pedindo, para criar um produto completo ao público.

Para ter sucesso dentro desse segmento não basta apenas uma ideia inovadora, já que está cada vez mais difícil trazer novas propostas com o tanto de apps que já existem.

Então, para te ajudar, separamos dicas que serão uteis para começar a empreender nesse mercado. Acompanhe:

Não subestime as fases iniciais

Toda base teórica é importante para um projeto, mesmo que ele seja fora do campo de aplicativos. Sendo assim, não deixe de lado essa fase.

Apresente uma necessidade

O mercado tem mais de um milhão de aplicativos nas lojas e os números não param de crescer. O seu aplicativo precisa de uma ideia nova, mas ele deverá responder porquê, o que e como essa ferramenta pode ajudar aos usuários.

Lembre-se que o aplicativo deve ser uma ferramenta útil para que o usuário volte a usá-lo.

Pense em hábitos

As pessoas passam a baixar aplicativos que sigam suas preferencias, em geral para ajudar em alguma atividade do dia a dia. Neste caso, eles criam o hábito de usar aquela ferramenta por atender as suas necessidades.

Então, pense em hábitos dos usuários e como você pode ajudá-lo em algumas tarefas, o que ele realmente precisa daquele aplicativo, por exemplo, já é um passo importante.

O caso Flappy Bird

Ele foi um jogo tão viciante que ganhou notoriedade rapidamente, mas também houve um declínio de uso da mesma forma que sua ascensão. Neste caso, pense sobre essa situação e o que levou o app a cair em desuso.

Era apenas um jogo viciante e muitos aplicativos acabam sendo interessantes só à primeira vista, mas depois não são tão usuais ao usuário, ficando esquecidos.

Poder da informação

O mundo está conectado, remetendo ao consumo de notícias que é feito em grande maioria pelo smartphone. Então, para ter sucesso dentro desse meio é importante explorar as informações.

Tenha alguns sócios

Se a sua empresa não tem poder para investir sozinha em um app próprio, ter uma parceria, patrocínio ou sociedade é uma forma de conseguir entrar nesse mercado, sem se afundar.

Produto certo para desenvolvimento

O seu aplicativo não deve resolver um problema que ninguém tem, senão ele será fadado ao fracasso rapidamente. Antes de tudo, é preciso saber se aquela proposta se enquadra no que o mercado realmente precisa e se as pessoas comprarão a ideia, por isso a importância dos testes e definição do público.

Aprenda a fazer um bom marketing

Muitos apps não vão para frente por falta de divulgação, que também não deve ser feita de qualquer jeito. A melhor opção é o marketing de guerrilha, que tem uma boa base de trabalho para este mercado.

Tenha uma boa gestão

Pense que esse aplicativo é uma empresa e, como é de se esperar, ela precisa ser gerenciada. Uma boa gestão leva a bons resultados, já deu para entender porque deve investir nisso né?

Entenda as lojas

Cada loja tem um funcionamento diferente, sendo que até a maneira de homologar o app é diferente. Sendo assim, faça um estudo prévio sobre elas para poder enquadrar o aplicativo dentro do que ela pede.

By | 2017-12-05T07:11:03+00:00 agosto 19th, 2017|Multiplataforma|
%d blogueiros gostam disto: