Início>Passo a passo da criação de um aplicativo

Passo a passo da criação de um aplicativo

A indústria ganhou um novo modelo de negócio com a vinda dos smartphones ao cotidiano da sociedade: os aplicativos. Seu desenvolvimento tem sido cada vez mais buscado, principalmente por corporações que estão querendo visibilidade e uma maior retenção de público, já que os apps ajudam bastante em diversas funções.

Basicamente, a ideia dessa ferramenta é auxiliar em tarefas variadas, sendo que eles são programados com o intuito de entreter, informar e até mesmo comunicar-se. Hoje há uma grande opção de aplicativos disponíveis e as empresas que possuem um próprio, acabam tendo um destaque maior no setor em que estão inseridas, passando à frente da concorrência.

Os apps não são buscados apenas por grandes marcas e corporações, eles também já fazem parte de empresas de pouca expressão, mas que estão expandindo sua visão de negócios e almejando crescimento rápido.

Mas o processo de criação de um aplicativo não é simples. Para falar verdade, tudo que envolve tecnologia apresenta certa complexidade, não é diferente com o desenvolvimento dessa ferramenta. São muitos processos englobados até a finalização do aplicativo, para que ele possa ser consumido pelos usuários.

A equipe que elabora os projetos é grande, não se tratando apenas de programador e design, como muitos imaginam que sejam. Para a criação existe até mesmo arquitetos de tecnologia, mostrando que não é fácil o trabalho feito para que você desfrute de um aplicativo.

É por isso que, normalmente, os clientes se assustam com o valor de um projeto, mas o investimento é valido e dá retorno, acredite.

Para entender melhor como um aplicativo é feito, assim como compreender porque o seu valor costuma ser alto, vamos lhe mostrar o passo a passo do desenvolvimento dele. Acompanhe:

A ideia

Todo e qualquer projeto, mesmo que não seja relacionado a criação de app, precisa apresentar um conceito. Normalmente, se trata de um problema a ser solucionado, que baseia todo o escopo daquela ferramenta.

Os desenvolvedores precisam pensar no que o aplicativo poderá resolver, apresentando uma solução eficaz para o usuário. Ter uma boa ideia e aplica-la como uma resolução a algo, já é meio caminho andado.

Para isso eles costumam procurar em situações do cotidiano, deles ou de pessoas próximas de seu círculo de convivência. São esgotadas todas as possibilidades, antes mesmo que pensar em um meio de resolver para àquele problema.

Necessidades reais são identificadas

O problema não deve ser apenas seu, ele precisa atingir a outras pessoas que serão possíveis usuários daquela ferramenta. Isso é conhecido como validar uma necessidade real.

Neste caso, alguns desenvolvedores recorrem a pesquisas, que é uma das formas mais viáveis de entender se a ideia é uma necessidade somente sua ou de um bom grupo de pessoas.

Sendo assim, é possível utilizar até mesmo o Google para ter uma noção disso, que ajuda a definir um nicho de pessoas que buscam por aquilo que você pretende desenvolver.

As possibilidades para identificar essa necessidade são bem diversas, visto que é possível até mesmo apresentar um formulário de interesse, onde o usuário se cadastra.

Com isso, você pode apontar características das pessoas que querem usá-lo, já que elas passam a apresentar um porquê. É com isso que você detalha os recursos do produto, assim já pode começar a desenhar um visual para ele, por exemplo.

Essas pesquisas são de extrema importância ao projeto, porque elas ajudam a organizar um planejamento e passam a dar forma a ideia, mostrando se ela realmente é de interesse de alguém, se pode ser comprada e muitos outros fatores.

Design

O design do aplicativo é o que acaba movendo-o para uma vida de sucesso, já que o visual conta muitos pontos com o usuário. Não é só como ele se parece, mas são todas as informações que compõe a experiência daquela pessoa dentro do aplicativo.

Para entender melhor, é só lembrar naquele jogo que você não excluir de jeito nenhum do seu smartphone, não só por ser viciante, mas por ter um design bem trabalho e que acaba de prendendo. Isso serve também para alguns utilitários, que tem um visual muito agradável aos olhos.

Muitas vezes a empresa não possui um profissional adequado para esse trabalho, então o ideal é contratar alguém que realmente entenda do assunto para colocar o projeto em pratica.

Existem empresas de desenvolvimento de aplicativos, que farão um trabalho completo e eficiente, uma vez que possuem uma equipe especifica para trabalhar no projeto. Mas você também pode apostar em design e programadores autônomos. É válido lembrar que não são somente eles que desenvolvem os apps, por isso as empresas podem ser mais indicadas nessa tarefa.

Mas, se a sua ideia é contratar um desenvolvedor particular fique atento a alguns pontos, como sua credibilidade no mercado e os projetos que já trabalhou, que servirão de exemplo para como ele trabalhará na execução do seu. Se forem projetos positivos, é muito provável que o seu seja da mesma maneira.

Você não deve levar em consideração apenas o valor do projeto como ponto base para a escolha de um profissional. Muitas vezes as startups, que são responsáveis pelo desenvolvimento de aplicativos, podem não satisfazer as suas necessidades, assim como um desenvolvedor autônomo.

Tenha ferramentas de análise

São elas que ajudam a controlar o número de downloads, por exemplo, assim como a taxa de retenção e o interesse dos usuários. Dá para utilizar algumas ferramentas especificas para isso, que são disponibilizadas de forma gratuita para essa finalidade, sendo um excelente auxílio para avaliar as métricas do seu aplicativo.

Elas também costumam apontar possíveis problemas, o desempenho e a experiência e uso por parte dos usuários. São ferramentas com análises completas, sendo que algumas também são pagas, com recursos similares e até mais possibilidades do que as gratuitas.

Se atente aos feedbacks

A criação de um aplicativo é um processo árduo e bastante detalhados, mas de nada vale todo esse trabalho se o desenvolvedor não tiver atenção ao retorno por parte dos usuários.

É extremamente importante saber o que os usuários acham do seu aplicativo, mesmo se for algo negativo. Isso possibilita  que você melhore a ferramenta e a torne cada vez mais próxima do que o usuário procura.

By | 2017-12-05T07:13:37+00:00 julho 9th, 2017|Uncategorized|
%d blogueiros gostam disto: