Início>Aplicativo empresarial – O que devo avaliar antes de contratar?

Aplicativo empresarial – O que devo avaliar antes de contratar?

Não tem como negar que os aplicativos fazem parte do nosso dia a dia, tanto que é difícil encontrar alguém que não tenha ao menos um baixado em seu smartphone. Eles são usados por uma infinidade de atividades, até mesmo para gestão de empresas.

Sim, é possível gerenciar atividades empresariais por meio de aplicativos, e isso tem dado uma reviravolta nos negócios. As corporações já têm investido bastante em ter seus próprios apps, mas porque não ter um que possa te ajudar nos negócios? A finalidade, embora diferenciada de atrair e fidelizar o público, a intensão de ter o próprio aplicativo, tem atraído ainda mais seguidores.

Entretanto, um aplicativo empresarial é diferente de um app para uso diário, como aqueles de entretenimento. Assim, surgem dúvidas do que considerar para contratar esse tipo de ferramenta, visto que é um serviço novo e que está se expandindo.

Antes de mais nada, vamos entender o que é um aplicativo empresarial, para depois ver o que será importante em sua contratação.

O que são apps empresariais?

Eles são assunto recorrente no mercado de tecnologia, visto que cerca de 71% do mercado já adota a tecnologia, isso em escala mundial e que agrega também o Brasil.

A ideia é que essa ferramenta seja aplicada aos negócios, principalmente aqueles com propostas inovadoras como é o caso das startups. Os aplicativos empresariais também têm sido amplamente buscados por empresas de pequeno porte, para ajudar na gestão do negócio.

Pense assim: sua empresa trabalha com vendas através de consultores e vendedores externos, onde a comunicação é algo crucial para que o negócio dê certo. Isso vale tanto para o atendimento ao cliente, como a comunicação com a equipe, além de ser necessário também para suporte e entrega do produto ao seu destino, enfim uma série de fatores.

Os processos, como é de se esperar, apresentam erros, visto que são feitos manualmente e a demanda é alta, isso pode gerar, por exemplo, a falta de produtividade. É aí que entram os apps empresariais, para gerenciar todo esse processo e trazer benefícios para o negócio.

O que levar em consideração?

O aplicativo será um meio de terceirização a esse processo na sua empresa, então ele é um método chave para dar qualidade e sustentabilidade ao negócio. Então, a ferramenta pode vir como um outsourcing, por exemplo, mas ela deve ser eficiente.

Outro ponto é que ela servirá como uma plataforma especializada, sendo uma ferramenta que fará a gestão, mas também deverá operar algumas situações, tudo por um aplicativo.

É ideal que essa ferramenta seja personalizável, para se adequar as necessidades que a sua empresa apresenta, senão não compensa o uso. Normalmente, ela é inclusa ao departamento de TI (tecnologia da informação) de uma corporação, trabalhando lado a lado com esse setor.

Como gerenciar certas atividades se torna um desafio constante para o pessoal do TI, os aplicativos entram para facilitar todo esse processo, tornando o trabalho mais produtivo e ágil.

By | 2017-12-05T07:11:46+00:00 agosto 7th, 2017|Desenvolvimento Aplicativos|
%d blogueiros gostam disto: